Desrotulando: conheça o que vai no rótulo de cada produto que você come

Você com certeza já deve ter reparado na embalagem dos produtos do mercado. Normalmente, na parte de trás, tem uma tabela com números e um breve texto com informações nutricionais. Então, caso alguma vez você tenha se perguntado o que vai ao rótulo dos produtos, hoje vamos te explicar!

Hoje nossa equipe separou uma explicação breve, clara e objetiva sobre o que há no rótulo. Assim, você vira um consumidor mais ciente do que compra e come, sem ser enganado pelas grandes marcas do mercado. Então vamos começar!

Confira: aplicativos para organizar o cronograma de vacinas do seu filho

O que é o rótulo dos produtos?

A rotulagem dos produtos é aquela parte no verso das embalagens com letras pequenas e tabelas com algumas porcentagens. Dessa forma, o objetivo do rótulo é manter alguma forma de comunicação entre os produtores e os seus consumidores. Informando, portanto, características de cada produto logo em seu verso.

Para começar, uma parte que todos já dever ter olhado ao menos uma vez é a lista de ingredientes. Ela é muito fácil de reconhecer e entender. Nela você vai encontrar a especificação de todos os ingredientes que compõem o alimento, como, por exemplo: água, farinha, açúcar, leite e derivados, entre outros.

Desrotulando: conheça o que vai no rótulo de cada produto que você come
Desrotulando: conheça o que vai no rótulo de cada produto que você come / Créditos de imagem unsplash

Além da lista de ingredientes, uma informação que faz parte do rótulo é a data de validade dos produtos. Praticamente todos os produtos possuem uma data de validade. Então ela auxilia o próprio mercado e o consumidor a entenderem em quanto tempo cada comida pode ser consumida.

O que são as informações do rótulo?

O Valor Energético é, em resumo, a quantidade de energia que o nosso corpo consegue produzir com os carboidratos, proteínas e gorduras totais que o alimento tem. Dessa forma, nosso sistema digestivo consegue transformar grande parte dos alimentos em energia! A apresentação do valor é em quilocalorias (kcal).

Os Carboidratos então vão compor parte do valor energético. Por sua vez, parte de sua função é fornecer energia para as células do corpo, principalmente para as células cerebrais, os neurônios. Os carboidratos são encontrados em maior quantidade nas massas, arroz, açúcar, mel, pão, farinha, tubérculos, entre outros.

Leia também: melhores aplicativos de finanças para 2022

As Proteínas também não perdem posição na lista de importância, elas são fundamentais para a reparação geral do organismo, compondo fibras, tecidos e órgãos. Você também já deve ter ouvido dizer que um atleta precisa de proteínas, e é verdade! Elas carregam uma função fundamental nos músculos.

O Sódio é uma parte da lista que devemos prestar mais atenção, ele pode causar muitos danos à saúde caso seja consumido em excesso. Está presente no sal de cozinha e em todos os alimentos industrializados, como salgadinhos, comida congelada, molhos prontos, produtos enlatados, entre outros.

Quais são as gorduras e suas diferenças?

As gorduras são as principais fontes de energia do corpo, pode ser contraintuitivo, mas é essencial que haja alguma gordura no organismo. Elas vão auxiliar principalmente na absorção das vitaminas A, D, E e K. No caso das gorduras totais, esse é o valor encontrado com a soma de todas as outras gorduras encontradas no alimento.

Desrotulando: conheça o que vai no rótulo de cada produto que você come
Desrotulando: conheça o que vai no rótulo de cada produto que você come / Créditos de imagem pexels

São duas as categorias de gorduras na comida, a primeira categoria é a das gorduras saturadas. Elas se encontram em estruturas de origem animal, como, por exemplo, em carnes, toucinho, leite, pele de frango, queijos, manteiga, iogurte, etc. Em abundância, essa gordura pode gerar problemas a função cardíaca.

A outra categoria é a das gorduras trans, elas são as gorduras “ruins” dos alimentos. É o tipo de gordura presente em alimentos industrializados como a margarina, cremes vegetais, biscoitos, sorvetes, salgadinhos prontos, alimentos fritos, lanches e salgados. Nesse caso, o nosso corpo não precisa dessa categoria de gordura, o que significa que ela é apenas prejudicial e seu consumo deve ser o mínimo possível.

É importante conhecer o rótulo?

Sim, é muito importante você conhecer o que compõe o rótulo dos alimentos. Isso gera mais conhecimento das comidas que você consome, evitando problemas de saúde futuros sem você saber se quer o porquê. Dessa forma, você luta por um direito seu, o direito à saúde!

Confira: dificuldade para beber água? Conheça o app que vai te ajudar com isso

Dificuldade para beber água? Conheça o app que vai te lembrar disso
Dificuldade para beber água? Conheça o app que vai te lembrar disso / Créditos de imagem pexels

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2022 GETFINTEC - Theme by WPEnjoy · Powered by WordPress